‘A CIDADE’

15Out10

Antes de entrarmos na cidade perigosa, somos brindados com uma curta – metragem de André Badalo, protagonizada pela bela Maria João Bastos. ‘Shoot me’ prima pelo pormenor das imagens. Uma história banal, mas ilustrada com detalhes encantadores.

‘A Cidade’ é um filme a alta velocidade. Do bom rebelde para o assaltante arrojado. O realizador veste a pele de protagonista e coordena o suspense durante todos os minutos de acção. Velocidade, tiros e disfarces são os ingredientes deste filme que são acompanhados com uma pitada de amor. Aqui há de tudo, e até mesmo freiras com metralhadoras.

São mais de 300 assaltos que ocorrem em bancos na cidade de Boston. Grande parte dos assaltantes vive no pequeno bairro de Charlestown. Doug MacRay (Ben Affleck)é o líder de um grupo de perigosos assaltantes de bancos que se orgulham de roubar tudo o que querem e sair impunes.

A única família que Doug conhece são os seus parceiros de crime, especialmente Jem (Jeremy Renner), que apesar do seu temperamento perigoso e explosivo, é alguém que Doug MacRay pode chamar de irmão. Mas tudo muda no último trabalho do gangue, quando fazem a gerente de banco Claire Keesey (Rebecca Hall) de refém.

Doug quer sair da cidade mas tem o FBI, liderado pelo Agente Frawley (Jon Hamm), cada vez mais perto, e o amigo Jem a questionar a sua lealdade. Doug MacRay tem agora de decidir se vai trair os amigos ou perder a mulher que ama. Decisão difícil.

Olhando para trás. Em 2008, Rebecca Hall foi nomeada para um globo de ouro no filme ‘Vicky Cristina Barcelona’, mas agora a actriz surpreende tudo e todos na interpretação de uma gerente de um banco, a fantástica Claire Keesey.

<

Jon Hamm, vencedor de um globo de ouro, na série ‘Mad Men’, veste a pele de um agente do FBI. ‘Adam Frawley’ corre atrás dos assaltantes que teimam em disfarçarem-se de freiras ou de polícias, percorrendo quilómetros na cidade de Boston.

Mais de uma hora meia cheia de acção, perigo e velocidade, a não perder. Mas o romance não falta nesta película. Em cada mudança de plano verifica –se mais um momento de coragem em que a chama do amor se deixa aparecer.



No Responses Yet to “‘A CIDADE’”

  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: