A sétima arte em 140 caracteres

22Jul10

Nos últimos anos, o Twitter tem sido uma rede social muito aderida pelas caras do mundo do cinema. Uns utilizam para expor os seus projectos, outros para publicarem a sua vida pessoal.

“O que estás a fazer?” A pergunta foi o ponto de partida para a criação, em 2006, do Twitter, servidor para microblogging que permite aos usuários o envio de actualizações no máximo de 140 caracteres. Muitos são o que respondem regularmente a esta pergunta na plataforma digital. Com mais ou menos detalhes, todos cumprem esta regra e aguardam reacções.

Para uns é só mais uma rede social. Para outros é muito mais que isso. No mundo da sétima arte são muitas as caras conhecidas que estão ligadas a esta ferramenta diariamente. Umas publicam simplesmente eventos, outras vão muito mais além. Projectos que estão a ser produzidos, momentos de filmagens, são tudo segredos desmitificados num segundo em que se escreve e carrega-se ‘Enter’. E mais uma publicação. E mais um número elevado de visitas. Os adeptos do ‘Twitter’ mergulham nesta rede social e observam atentamente cada visita e cada comentário. Com o passar dos anos, esta ferramenta tem-se tornado muito popular entre todas as comunidades, mas especialmente as do universo cinematográfico. Com a liberdade de expressão, vinda deste instrumento, é possível ter conhecimento de inúmeros mistérios. A opinião de um director, no primeiro dia de filmagens, assim como os festivais e eventos que um determinado actor pretende estar presente, são tudo, tópicos que estão desvendados nas páginas do ‘Twitter’ de alguns famosos da grande tela.

As redes sociais permitem que as celebridades estejam cada vez mais perto dos fãs, sem estarem dependentes de jornalistas ou meios de comunicação social, no entanto a incapacidade de controlar o que cada um publica está a levar os estúdios a imporem as suas próprias regras de segurança.

A revista norte-americana “Hollywood Reporter” sublinhou que a Hollywood proibiu os actores de utilizarem Facebook ou Twitter para evitarem fugas de informação sobre os projectos cinematográficos. A verdade é que a ‘DreamWorks Animation’ e a ‘Disney’ já estão a incluir esta medida nos contratos laborais dos actores, evitando assim a quebra de confidencialidade.

A facilidade de aceder ao ‘Twitter’ de qualquer lugar faz com que a maioria dos acontecimentos seja anunciada primeiro no Twitter’ e o facto de usar mensagens curtas faz com que isso seja transmitido e retransmitido rapidamente.

O impacto de um filme quando é divulgado nas redes sociais, pode até ser negativo. Leonardo António é realizador e produtor de cinema na Recycled Films e confirma esta ideia. “O impacto que terá, a nível de audiências, quando o filme é promovido em redes sociais poderá até ser negativo – menos pessoas poderão ir vê-lo. Muitos blogs são criados por pseudo-críticos acessíveis nas redes sociais, levando o “possível espectador” a ler a história do filme por pessoas que já viram e que não gostaram.” E acrescenta: “De certa forma, pode ter um impacto negativo. Se for positivo, terá um possível impacto de mais 10 a 15%, mas por pessoas que terão acesso à promoção através de outros canais de informação. O factor surpresa/choque/suspense é a maior arma de marketing do cinema. As redes sociais, por vezes, para não dizer a maioria das vezes, estragam esse factor, banalizando o enredo de um filme que possa ter um potencial enorme.”

Ashton Kutcher foi o primeiro usuário do ‘Twitter’ a chegar a marcar de 1 milhão de seguidores. Tudo começou com uma disputa feita por ele contra a rede de noticias CNN. Após vencer a aposta, a CNN colocou o nome ‘aplus’k, usado por Kutcher no ‘Twitter’, no letreiro luminoso de sua sede. Ashton tem 750.000 seguidores no twitter, cerca de 15.000 a mais que o presidente Barak Obama .O actor de “Efeito Borboleta” passa o dia a escrever sobre os mais diversos assuntos.

Uma rede social que tem vindo a crescer no mundo do cinema.

Um artigo escrito para o msn.cinema. | Março 2010

Anúncios


No Responses Yet to “A sétima arte em 140 caracteres”

  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: